Sem sugestões de pesquisa. Aperte TAB para acessar os mais buscados

place holder

Crédito extra para emergências  da sua empresa

Quando não houver saldo suficiente na sua conta ou limite de Cheque especial (LIS) e você precisar realizar um pagamento urgente, o banco faz uma análise emergencial e libera instantaneamente um crédito adicional  para cobertura desse pagamento. Esse serviço  é chamado de AD.

Entenda como funciona

Confira os exemplos abaixo e veja como é simples utilizar

place holder

Entenda o uso do Adiantamento a depositante com exemplos

Exemplo sem LIS: Saldo em conta R$100,00. Você faz um pagamento de R$300,00, é feita uma análise de crédito emergencial, caso aprovada, você terá utilizado R$200,00 do AD.

 

Exemplo com LIS: Saldo em conta R$100,00 e seu limite de cheque especial é R$1.000,00. Você faz um pagamento de R$1.500,00, é feita uma análise de crédito emergencial, caso aprovada, você terá utilizado R$400,00 do AD.

Quais são as Tarifas e Juros?

No Adiantamento a Depositante, você só paga tarifa uma vez no mês, se utilizar. Existe a cobrança de taxa de juros e IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) sobre o que utilizar e proporcional ao período utilizado. 

place holder

dúvidas frequentes

É um serviço de avaliação de crédito emergencial para aceitar ou não uma transação quando você está sem saldo em conta ou sem limite do Cheque Especial (LIS). 

Quando não houver saldo suficiente na sua conta ou limite de Cheque especial (LIS) e você precisar realizar um pagamento urgente, o banco faz uma analise emergencial e libera um crédito adicional  para cobertura desse pagamento. Sujeito a cobrança de tarifa, taxa de juros e IOF (Imposto sobre Operações Financeiras).

Quando você tiver algum débito na sua conta e não houver saldo ou limite de cheque especial suficiente, você começa a utilizar o Adiantamento a Depositante (AD).    

A cobrança de tarifa é feita no quarto dia útil após a utilização, somente uma vez no mês. O débito ocorre somente se o cliente possuir saldo ou limite de cheque especial (LIS) disponível. Já a cobrança da taxa de juros e IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) é feita no primeiro dia útil do mês seguinte à utilização.

Não. Você não será cobrado se cobrir o valor total utilizado do Adiantamento a Depositante (AD) no mesmo dia.

Quando você tiver o cheque especial (LIS) e ultrapassar o valor do limite disponível a cobrança do AD no extrato aparecerá como “JUROS  AD OU MORA LIS/CEP”. Se você não tiver o cheque especial (LIS) e não tiver saldo disponível na conta a cobrança no extrato aparecerá como “JUROS ADIANT DEPOSITANTE”.    

Contratação e Cancelamento

•A contratação é efetuada na Abertura de Conta (PAC) ou através do seu gerente.

 

•Para cancelamento do serviço entre em contato com as centrais de atendimento ou com o seu gerente.

mulher sorrindo mexendo no notebook