Sobre o Itaú



Marca

30/04/2012

Saiba aqui como o banco feito para você se tingiu de laranja

Antes dos anos 80, as fachadas do banco eram mais escuras

O que a cor laranja representa para você? Um por do sol, o fogo, uma flor, uma fruta suculenta? Ou então: energia, alegria, calor? Foi por gerar múltiplas associações e pela força do seu matiz que o laranja foi a cor escolhida para ser associada ao Itaú, tornando-se marca registrada do banco.

O laranja é uma cor quente, vibrante, ensolarada. E por isso traduz como nenhuma outra a proximidade que queremos manter com nossos clientes. E também a inovação que pauta o modo otimista como buscamos fazer nossos negócios e nos relacionar não apenas com nossos colaboradores e parceiros, mas com a sociedade em geral.

O caso de amor entre o Itaú e a cor laranja começou nos anos 80, quando surgiu a necessidade de dar mais destaque às fachadas das agências do banco no cenário urbano. Até então, as fachadas acompanhavam a cor da logo – eram pretas. Foi aí que a comunicação visual dos bancos brasileiros, que até então era sóbria, contida, séria, tingiu-se de laranja. Uma ousadia que reforçou a brasilidade do Itaú. “Era preciso mostrar, na face do Itaú, um coração pulsando de modo mais forte e vigoroso”, como registra o livro “Itaú – 50 Anos”.

A ideia desse grande coração nacional pulsando em laranja deu muito certo. O publicitário Francesc Petit, um dos fundadores da agência DPZ, fala sobre essa escolha: “Nós queríamos uma cor para dar mais modernidade na identidade visual e criar uma bandeira. E eu falei: ‘Olha, a cor laranja vai ser a cor do futuro, uma cor jovem’”. Foi assim que o laranja virou padrão nas fachadas do banco.

O laranja do Itaú toma as ruas e colore o país

A partir de 1992, quando a marca do Itaú se tornou azul com as letras amarelas, a cor laranja não ficou mais restrita às fachadas das agências e passou a fazer parte também dos anúncios. Nesse primeiro momento, ela aparecia principalmente nas assinaturas da marca em campanhas publicitárias.

Já nos anos 2000 o laranja começou a ser usado com mais frequência e força, o que conferiu, às campanhas da última década, um ar mais moderno e jovem, alinhado com a preocupação constante do Itaú de estar à frente no uso das novas tecnologias que tragam mais conveniência para seus clientes.

Hoje, o laranja transcendeu o material publicitário e está associado a tudo o que o banco faz. O laranja colore a alma do Itaú. As pessoas veem, por exemplo, as bicicletas laranjas patrocinadas pelo Itaú no Rio de Janeiro, que já foram apelidadas pelos cariocas de “laranjinhas”, e as associam imediatamente ao banco. Prova de que, com sua energia, com a sua temperatura, com o seu otimismo, o laranja já virou definitivamente a cara do banco feito para você.

LEIA TAMBÉM

28/03/2013
Parada pela Vida conscientiza motoristas sobre cuidados nas estradas

Feriado é época de celebrar e relaxar. O de Páscoa, que acontecerá entre 29 e 31 de março, não poderia ser diferente. No entanto, infelizmente, ainda existe o lado triste da história: as mortes causadas por acidentes de trânsito. A boa notícia é que ações permanentes como o Parada pela Vida, promovida pelo Ministério das Cidades por meio do Denatran, têm contribuído para mudar esse cenário. Prova disso foi o resultado após o Carnaval deste ano, em que o número de mortes nas estradas diminuiu 18% se comparado ao ano passado.

25/03/2013
Festival de Teatro de Curitiba traz peças inovadoras

Veja mais