Pular para conteúdo

Outros Comunicados

Itaúsa comunica alterações no seu Conselho de Administração e de suas controladas 

 

São Paulo, 05 de setembro de 2008 - Conforme seu planejamento sucessório, alinhado às melhores práticas de governança corporativa, a Itaúsa e suas controladas anunciam as alterações nos seus Conselhos de Administração, que reafirmam a conduta ética na administração dos negócios, a transparência, as boas práticas de governança corporativa, a vocação para o desenvolvimento e a busca de resultados e performance com sustentabilidade, visando sempre a criação de valor para o acionista e a sociedade.

 

São alterações pautadas na inspiração, nos ensinamentos e valores e nas lições que Olavo Setubal deixou ao Grupo e que, sem dúvida, direcionam todos a continuarem sua Obra. Os novos Conselhos de Administração são liderados por pessoas que ajudaram Olavo Setubal e equipe a construir a Itaúsa e suas controladas com as significativas dimensões atuais e que, mais uma vez, dão importante contribuição para estruturação do futuro.

 

• Itaúsa – Investimentos Itaú S.A.

 

José Carlos Moraes Abreu assume a presidência do Conselho de Administração. Ao lado de Milú Villela, que ocupa a vice-presidência desde abril de 2001, Paulo Setubal Neto será indicado a ocupar o cargo de vice-presidente do Conselho de Administração, posição que está sendo criada, conforme proposta que será apresentada na próxima Assembléia Geral. Alfredo Egydio Setubal passa a compor o Conselho. A Presidência Executiva será ocupada por Alfredo Egydio Arruda Villela Filho, conselheiro desde 1995.

 

• Banco Itaú Holding Financeira S.A.

 

A presidência do Conselho de Administração do Banco Itaú Holding Financeira será exercida por Carlos da Camara Pestana, que presidiu o Banco Itaú entre 1990 e 1994. Foi atribuído o título de Presidente de Honra do conselho de administração a José Carlos Moraes Abreu pelos relevantes serviços prestados nas últimas cinco décadas.

 

Comitê de auditoria

 

Gustavo Jorge Laboissiere Loyola que já integrava o Comitê de Auditoria, assume a presidência, sucedendo Carlos da Camara Pestana.

 

• Duratex S.A.

 

O Vice-Presidente Laerte Setubal Filho assume a Presidência do Conselho de Administração da Duratex. Alfredo Egydio Arruda Villela Filho é o novo vice-presidente e foi também indicado como conselheiro independente o consultor A.C. Reuter.

 

• Itautec S.A.

 

A Presidência do Conselho de Administração da Itautec será exercida por Paulo Setubal Neto. O conselheiro Rodolfo Villela Marino passará a ocupar a vice-presidência. Olavo Egydio Setubal Junior será indicado a ocupar o cargo de vice-presidente, posição que está sendo criada, conforme proposta que será apresentada na próxima Assembléia Geral.

 

• Elekeiroz S.A.

 

Paulo Setubal Neto, que ocupava a posição de vice-presidente do Conselho de Administração, assume a Presidência.

 

Perfil dos administradores

 

José Carlos Moraes Abreu

 

Advogado, formado pela Faculdade de Direito do Largo São Francisco, da Universidade de São Paulo, em 1944. Iniciou sua vida profissional como advogado de empresas, tendo atuado para a Deca e a Duratex. 
No Banco Itaú, deu início à sua carreira como Diretor Jurídico em 1961. Em 1966, ocupou a Vice-Presidência Executiva. Em 1978, assumiu a Diretoria Geral do Banco Itaú. Em 1985, passou a Diretor Presidente e Diretor Geral do Banco Itaú, onde permaneceu até 1990. Atualmente, é membro do Conselho de Administração da Itaúsa e vice-presidente do Conselho de Administração do Banco Itaú HF. 
Ocupou os seguintes cargos: 
Banco Federal de Crédito SA - Diretor (1961-1964); 
Banco Federal Itaú SA - Diretor Gerente (1964-1966); 
Banco Federal Itaú Sul Americano SA - Vice-Presidente Executivo (1966-1969); 
Banco Itaú América SA - Vice-Presidente Executivo (1969-1972); 
Banco Itaú SA - Vice-Presidente Executivo (1973-1978) Diretor Geral (1978-1984) Diretor Presidente e Diretor Geral (1985-1990) Membro do Conselho de Administração (1978-1984); Vice-Presidente do Conselho de Administração (desde 1985); 
Membro do Conselho Monetário Nacional (1975-1984);
Itaúsa – Investimentos Itaú S.A.: Membro do Conselho de Administração desde maio de 2001 e
Diretor Geral de abril de 1983 a abril de 2004;
Banco Itaú Holding Financeira S.A.: Vice-Presidente do Conselho de Administração desde março de 2003, Membro do Conselho de Nomeação e Remuneração, Membro do Conselho Consultivo Internacional;

 

Carlos da Camara Pestana

 

Nasceu em Paço d’Arcos, Portugal, em 1931. Licenciado em Direito em 1955 pela Universidade Clássica de Lisboa, integrou os quadros do Ministério do Ultramar de seu país tomando parte da Comissão Inter-Ministerial que negociou na então OECE, hoje OCDE, a participação de Portugal em Zona de Comércio Livre Européia, mais tarde concretizada no quadro de constituição do EFTA. Em 1958 passou a fazer parte dos quadros do banco Português do Atlântico, com sede no Porto, desempenhou sucessivamente os cargos de Diretor Adjunto, Diretor, Diretor Geral Adjunto e Diretor Geral. Em 1970 foi eleito membro executivo do Conselho de Administração daquela Instituição, o maior Banco privado português, cargo que desempenhou até a nacionalização do sistema financeiro português em março de 1975. Foi presidente da Grêmio Nacional dos Bancos (entidade correspondente à FEBRABAN) de 1972 a 1975, tendo nesse período feito parte do Conselho Nacional de Crédito do seu País.
Em de junho de 1975 emigrou para o Brasil, tendo sido contratado no mês seguinte pelo Banco Itaú. Na sua nova carreira bancária, foi sucessivamente nomeada Superintendente Regional, Gerente Geral, Diretor Técnico, Diretor Executivo e Vice-Presidente Executivo. Em 1990 foi eleito para o cargo de Presidente da Diretoria do Banco Itaú, na sucessão de José Carlos Moraes Abreu, funções que desempenhou até 1994. Membro do Conselho de Administração do Banco Itaú S.A. desde 1986 e posteriormente do Banco Itaú Holding Financeira, presidia ao Comitê de Auditoria desta Instituição desde a sua criação em 2004.
Em Portugal é Vice-Presidente não executivo dos Conselhos de Administração do Banco Itaú Europa, com sede em Lisboa, e do Banco BPI S.A., com sede no Porto, constituindo esta segunda instituição o quarto maior banco privado português do qual o Banco Itaú detém participação de 19% no capital social.
Entre 1988 e 1992, a convite do Governo Português, fez parte da Comissão para o Sistema Financeiro que editou Livro Branco sobre a necessária adequação do sistema português às Diretivas aprovados para o setor bancário e segurador pela Comunidade Econômica Européia, hoje União Européia.

 

Laerte Setubal Filho

 

Engenheiro civil formado pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP), em 1949. Conselheiro da Duratex desde 1980, atualmente ocupando o cargo de Vice-Presidente, e membro do Conselho Superior de Comércio Exterior – COSCEX.
Foi administrador da Associação Comércio Exterior Brasil (AEB), da Sociedade Brasileira de Silvicultura (SBS), do Instituto de Racionalização do Trabalho (IDORT), do Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais (IPEF), da Federação das Indústrias de São Paulo (FIESP), Scania do Brasil S.A., Vidraria Santa Marina, Siemens S.A., Lion Empreendimentos, Sambra S.A., Caterpillar do Brasil e Eternit S.A.

 

Paulo Setubal Neto

 

Engenheiro Industrial – modalidade elétrica, opção eletrônica, pela Faculdade de Engenharia Industrial (1967/1971), da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Mestrado em Finanças pela Faculdade Getúlio Vargas, em 1974.
Membro do Conselho de Administração da Itaúsa desde abril/99, Diretor Executivo entre 1987 e 1991 e Diretor Vice-Presidente Executivo entre 1991 e 1999. Vice-Presidente do Conselho de Administração e Diretor Presidente da Duratex desde 2001. Membro do Conselho de Administração e Diretor Presidente da Itautec desde 1997. Diretor Presidente da Elekeiroz desde março/93, Vice-Presidente do Conselho de Administração desde mar/93.
Diretor Presidente da ABRASCA de 1982 a 1986 e Vice-Presidente desde 1986. Diretor Consultivo da FIESP de 1986 até set/04 e Vice-Presidente desde set/04. Sócio-Fundador e membro do Conselho do IEDI – Instituto de Estudo do Desenvolvimento Industrial desde 1989. Membro do Conselho do Museu de Arte Moderna de São Paulo – MAM desde jan/94. SINDIFIBRA – Sindicato das Indústrias de Chapas de Fibra: Presidente/Vice-Presidente desde maio/95. SINDICERÂMICA - Sindicato da Indústria de Cerâmica Sanitária: Presidente/Vice-Presidente desde set/97. IPEI – Instituto de Pesquisas e Estudos Industriais: Membro do Conselho Consultivo desde 1998. World Childhood Foundation/Chapter Brasil: Membro fundador do Conselho desde 1999. IPEN – Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares: Membro do Conselho Superior de 2003 a 2007.

 

Conheça aqui a nova estrutura dos Conselhos:

 


Itaúsa 


 

Conselho de administração Diretoria executiva
Presidente
José Carlos Moraes Abreu

Vice-presidentes
Milú Villela
Paulo Setubal Neto*

Conselheiros
Alfredo Egydio Arruda Villela Filho
Alfredo Egydio Setubal
Diretor presidente e diretor geral
Alfredo Egydio Arruda Villela Filho

Vice-presidentes executivos
Jairo Cupertino
Roberto Egydio Setubal

Diretor executivo
Renato Roberto Cuoco
* A ser indicado

 


Banco Itaú Holding Financeira 


 

Conselho de administração
Presidente
Carlos da Camara Pestana

Vice-presidentes
José Carlos Moraes Abreu (Presidente de Honra)
Alfredo Egydio Arruda Villela Filho
Roberto Egydio Setubal

Conselheiros
Alcides Lopes Tápias
Alfredo Egydio Setubal
Fernão Carlos Botelho Bracher
Guillermo Alejandro Cortina
Gustavo Jorge L. Loyola
Henri Penchas
Persio Arida
Ricardo Villela Marino
Roberto Teixeira da Costa
Sergio Silva de Freitas
Tereza Cristina Grossi Togni

 


Duratex 


 

Conselho de administração
Presidente
Laerte Setubal Filho

Vice-presidentes
Alfredo Egydio A. Villela Filho
Paulo Setubal Neto

Conselheiros
A.C. Reuter 
Jair Ribeiro da Silva Neto
Jairo Cupertino
Ricardo Egydio Setubal 
Rodolfo Villela Marino

 


Itautec 


 

Conselho de administração
Presidente
Paulo Setubal Neto

Vice-presidentes
Rodolfo Villela Marino
Olavo Egydio Setubal Junior (*)

Conselheiros
Alfredo Egydio Arruda Villela Filho
Jairo Cupertino
Renato Roberto Cuoco
* A ser indicado

 


Elekeiroz 


 

Conselho de administração
Presidente
Paulo Setubal Neto

Vice-presidente
Alfredo Egydio Arruda Villela Filho

Conselheiros
Cesar Calvo Huidobro
Olavo Egydio Setubal Junior
Raul Penteado de Oliveira Neto
Reinaldo Rubbi
Rodolfo Villela Marino

 

Sobre a Itaúsa

 

A Itaúsa foi constituída para centralizar as decisões financeiras e estratégicas de um conjunto de empresas, propiciando-lhes melhores condições de expansão. Atualmente, ocupa a segunda colocação entre os grupos privados brasileiros por volume de receitas. Operando nas áreas financeira e industrial, a Itaúsa mantém ainda relevantes instituições de caráter social. As principais empresas controladas pela Itaúsa se destacam nos diversos setores de negócios a que se dedicam: Banco Itaú Holding Financeira e suas controladas Banco Itaú e Banco Itaú BBA, no segmento financeiro, e Duratex, Itautec e Elekeiroz, líderes de seus respectivos ramos industriais. Como holding pura de capital aberto, a Itaúsa concentra todas as decisões financeiras e estratégicas, de forma que as empresas do Grupo tenham as melhores condições para se aplicar em suas atividades e expandir seus negócios.

 

Sobre o Banco Itaú Holding Financeira

 

O Banco Itaú Holding Financeira S.A. (Itaú) é um dos maiores bancos latino-americanos, com ativos consolidados de R$ 343,9 bilhões, patrimônio líquido consolidado de R$ 30,3 bilhões e valor de mercado em Bolsa de Valores de R$ 96,7 bilhões (30/06/08). Com 69 mil colaboradores, o banco tem cerca de 3,5 mil pontos de atendimento, mais de 24 mil caixas eletrônicos e 24 milhões de clientes. 
Entre os bancos brasileiros, o Itaú é líder nos segmentos de alta renda, private banking, cartões de crédito, financiamento de veículos e corporate. No segmento grandes empresas, o atendimento é realizado pelo Itaú BBA, considerado um dos maiores bancos de atacado do Brasil. O Itaú Holding possui marcante presença no exterior. Tem unidades estrategicamente posicionadas nas Américas, Europa e Ásia, que permitem importante sinergia no financiamento ao comércio exterior, na colocação de eurobonds, na oferta de operações financeiras mais sofisticadas e em operações de private banking.

Logo Itau Relações com investidores