acessibilidade

fechar

podcast

10º Edição

21/10/2019

Conheça nossos 8 compromissos de impacto positivo

Entrevistado: Luciana Nicola, Superintendente de Sustentabilidade do Itaú Unibanco

Spotify
Download da Transcrição

10º Edição (06/11/2019)
Conheça nossos 8 compromissos de impacto positivo
Entrevistado: Luciana Nicola, Superintendente de Sustentabilidade do Itaú Unibanco.

Começa agora a sua imersão no mundo dos investimentos, está no ar o Investcast, o Podcast do Itaú Unibanco para acionistas bem informados.

Esta é a edição número dez do Investcast do Itaú Unibanco, meu nome é Cassio Politi, e hoje ao lado da Luciana Nicola, Superintendente de Sustentabilidade, nós vamos falar dos oito compromissos de impacto positivo. Luciana, eu quero agradecer a você a sua presença, é um prazer ter você aqui.

Luciana Nicola: É um prazer estar aqui também.

Cassio Politi: Luciana, para a gente iniciar o bate papo eu gostaria que você falasse um pouquinho da importância da sustentabilidade para o Itaú Unibanco.

Luciana Nicola: No mundo hoje, com tantos desafios econômicos, sociais e ambientais, todas as pessoas e empresas têm impacto nessa construção de um mundo melhor. E quando a gente fala de um sistema financeiro, ele é bem transversal, então, ele tem um poder de transformação ainda maior nessa agenda, por isso que eu acho que o tema de sustentabilidade, ele é tão relevante. E no Itaú Unibanco a gente expressa um pouco dessa agenda trazendo mais desafios de impacto no nosso core business, ou seja, parte de uma estratégia de sustentabilidade olhando para negócios do Banco. Então como que a gente se transforma mais relevante ainda nessa agenda por meio dos negócios.

Cassio Politi: Em setembro de 2019, agora dia 22 para ser mais específico, o Itaú Unibanco fortaleceu o posicionamento dele em sustentabilidade na Assembleia Geral da ONU, em Nova York né, e lá o presidente do Banco, o Candido Bracher, assinou os princípios de responsabilidade bancária. Você pode comentar um pouquinho mais sobre esse acontecimento tão importante?

Luciana Nicola: Claro, nós partimos de uma construção olhando os objetivos do desenvolvimento sustentável da ONU, então dos dezessete, o Banco impacta diretamente onze desses compromissos. Também olhamos um pouco as boas práticas do sistema financeiro no mundo, e a partir disso a gente construiu oito compromissos de impacto que atendem um pouco os princípios de responsabilidade bancária. Então, ao assumir o compromisso com a ONU, a gente também já demonstrou como a gente pretende atingir essa agenda com métricas e projetos de uma forma bastante ampla. Acho que isso traduz um pouco a estratégia do Banco de não ser só uma área de sustentabilidade, e sim a sustentabilidade permear todas as áreas de negócio e todo mundo controlar essa agenda dentro do Itaú Unibanco.

Cassio Politi: O Itaú Unibanco vem desenvolvendo várias práticas para melhorar a experiência do cliente e, além disso, o Banco tem um objetivo que é ficar entre as melhores empresas em satisfação do cliente. Como o cliente é impactado com esses compromissos?

Luciana Nicola: Dentre os nossos compromissos a gente trouxe alguns direcionados mais claramente para as áreas de negócio. Um deles é “inclusão e empreendedorismo”, onde a gente tem uma agenda muito focada em inclusão de micro e pequenas empresas, não só na questão do crédito, mas ferramentas que empoderem essas micro e pequenas empresas para ter uma performance mais sustentável, por meio do nosso compromisso a gente tem uma série de produtos e serviços direcionados. Além disso, a gente também tem um olhar para a pessoa física. Como que a gente oferece um portfólio de produtos e serviços financeiros que façam com que a pessoa física tenha escolhas mais sustentáveis. Como é que ela pode usar o Banco de uma forma melhor.

Cassio Politi: Bom, esses compromissos então impactam o cliente, mas impactam também o stakeholder, de uma forma geral, né?

Luciana Nicola: Dentro dos oito compromissos nós também atingimos o público interno, os nossos colaboradores, e fornecedores. Dentro da agenda de colaboradores a gente tem um que chama “gestão inclusiva”. O que a gente pretende com esse objetivo? A gente quer que tenha uma experiência melhor para o colaborador, ou seja, que a gente tenha um ambiente mais saudável para o desenvolvimento dos nosso colaboradores, e aí aspectos como diversidade e como uma gestão mais sustentável dos nossos colaboradores são indicadores que a gente olha e mede isso e depois vai reportar isso de forma muito clara para fora, mas também a gente tem um chamado “gestão responsável”, que é um pouco sobre a nossa performance ambiental , que hoje a gente já tem um processo bem maduro dentro do Banco de como que a gente olha as nossas emissões, de como é que a gente faz a mitigação disso, mas com o novo desafio de como é que a gente leva já essas boas práticas, já tão testadas no Banco pra nossa cadeia de fornecedores. Como que a gente trás hoje a cadeia de impacto que a gente gera para essa agenda também com bastante consistência.

Cassio Politi: Qual é a importância para a sociedade, o fato de o Itaú Unibanco assumir todos esses compromissos?

Luciana Nicola: Acho que como um banco relevante no Brasil e nas regiões onde a gente atua, eu acho que a gente tem um papel de transformação trazendo um pouco das boas práticas que a gente aplica no Banco e também ajudar no crescimento social e econômico do Brasil. Eu acho que quando a gente traz um pouco desse processo de inovação da forma como a gente assume compromissos de impacto por meio do nosso core business, a gente está trazendo aqui uma nova forma de olhar. Então é de novo a sustentabilidade permeando o Banco como um todo.

Cassio Politi: Bom, você citou que o Itaú Unibanco engloba a sustentabilidade em praticamente tudo que ele faz, você pode citar alguns exemplos?

Luciana Nicola: Eu acho que os compromissos de impacto positivo é uma forma da gente reportar de forma mais transparente, para todos os stakeholder que acompanham o Itaú Unibanco, como a gente vai concretizar essa agenda, como que a gente vai cumprir um pouco dos compromissos que a gente assumiu com a ONU. E a melhor forma da gente perceber que isso de fato é uma agenda consistente, é que isso faz parte da meta dos nossos executivos na mais alta hierarquia do banco.

Cassio Politi: Luciana, obrigado por ceder um pouco do seu tempo para falar de forma tão eloquente e tão esclarecedora para gente.

Luciana Nicola: Eu que agradeço a oportunidade.

Cassio Politi: A Luciana falou bastante aí sobre os oito compromissos de impacto positivo do Itaú Unibanco, e você pode ter acesso à descrição desses oito compromissos no site do Itaú, é itau.com.br/sustentabilidade/compromissos. Você ouviu a Luciana Nicola, Superintendente de Sustentabilidade do Itaú Unibanco. Eu espero você nos próximos programas. Até lá.