Itaú BBA - Estimação da curva de juros brasileira via estratégia de hedge: uma abordagem com precificação exata

Textos para Discussão

< Voltar

Estimação da curva de juros brasileira via estratégia de hedge: uma abordagem com precificação exata

Fevereiro 1, 2012

O trabalho compara o desempenho de dois métodos de interpolação da ETTJ: o cubic spline e o flat-forward.

Textos para Discussão Itaú Unibanco Tesouraria Itaú Unibanco

Estimação da curva de juros brasilira via estratégia de hedge: uma abordagem com precificação exata


Gustavo Jorio Brotto
Alexsandro Machado Jacob
Marcelo Moura

 

 Março 2010

 

O presente trabalho compara o desempenho de dois importantes métodos de interpolação da estrutura a termo da taxa de juros com precificação exata no Brasil: o cubic spline e o flat-forward. Para o primeiro foram utilizadas as variantes por preços unitários e por taxas, enquanto que para o último foram utilizadas as variantes do DI mais próximo e do mais distante na formação da taxa a termo constante entre reuniões de política monetária. O critério de avaliação de desempenho foi a volatilidade do resultado financeiro de carteiras compostas de swaps e seus respectivos hedges para a duration e a convexidade para amostras de curto, médio e longo prazo da curva de juros. Os resultados sugerem que a interpolação cúbica de preços unitários obteve a melhor imunização na estimativa da curva de juros spot brasileira.



< Voltar