Itaú BBA - Crescimento menor, queda de juros condicional às reformas

Revisão de Cenário Brasil

< Voltar

Crescimento menor, queda de juros condicional às reformas

Abril 12, 2019

Reduzimos projeções de PIB em 2019 (para 1,3%) e 2020 (para 2,5%), e passamos a projetar a Selic em 5,75% para 2019 e 5,5% para 2020.


Para o relatório completo com gráficos e tabelas, favor acessar o pdf em anexo.

 

• Reduzimos as projeções de crescimento em 2019 (de 2,0% para 1,3%) e 2020 (de 2,7% para 2,5%), incorporando dados mais fracos e sinais de desaceleração na margem.

• Pioramos as estimativas de déficit primário de 1,4% do PIB para 1,5% do PIB em 2019 e de 0,9% do PIB para 1,0% do PIB em 2020. O cenário é estritamente dependente da aprovação da reforma da Previdência.

• Mantivemos a nossa projeção de taxa de câmbio em 3,80 reais por dólar no fim de 2019 e 3,90 em 2020.

• Projetamos IPCA em 3,6% no fim de 2019 e 2020.

• Também estritamente condicional à aprovação da reforma, passamos a projetar queda da taxa Selic para 5,75% em 2019 e 5,5% em 2020, como resposta ao ritmo lento de recuperação da atividade.

 

Para o relatório completo com gráficos e tabelas, favor acessar o pdf em anexo.



< Voltar