Itaú BBA - Superávit comercial de US$ 46,7 bi em 2019

Macro Brasil

< Voltar

Superávit comercial de US$ 46,7 bi em 2019

Janeiro 2, 2020

O superávit comercial recuou em 2019, mas permaneceu em patamar historicamente elevado.

Para o relatório completo com gráficos e tabelas, favor acessar o pdf em anexo.

 

 O superávit comercial em 2019 foi menor do que o registrado nos últimos anos, mas permaneceu em patamar historicamente elevado. 

 Em 2019, houve queda das exportações em função da desaceleração do comércio global e de parceiros comerciais importantes, como a Argentina. As importações, por sua vez, também recuaram. Vale notar, no entanto, que ao longo de 2018 as mesmas foram infladas por operações envolvendo plataformas de petróleo em função da mudança do Repetro. Excluindo essas operações, as importações teriam subido em 2019, em linha com a recuperação gradual da atividade econômica. 

 Em dezembro, o superávit foi de US$ 5,6 bi, com US$ 18,2 bi de exportações e US$ 12,6 bi de importações. O resultado é inferior aos US$ 6,6 bilhões registrados no mesmo mês do ano anterior. A média móvel trimestral dessazonalizada e anualizada do saldo comercial subiu para US$ 51 bilhões (ante US$ 48 bi em novembro).

 Para 2020, projetamos nova redução do superávit comercial (US$ 40 bilhões), em linha com a retomada da economia e consequente aumento de importações.
 

Julia Gottlieb


Para o relatório completo com gráficos e tabelas, favor acessar o pdf em anexo.



< Voltar