Itaú BBA - IPCA-15 sobe 0,72% em abril, enquanto medidas de núcleo seguem em trajetória benigna

Macro Brasil

< Voltar

IPCA-15 sobe 0,72% em abril, enquanto medidas de núcleo seguem em trajetória benigna

Abril 25, 2019

IPCA-15 de abril sobe 0,72% puxado por alimentos e gasolina; núcleos seguem em trajetória benigna

Para o relatório completo com gráficos e tabelas, favor acessar o pdf em anexo.
 

• O IPCA-15 de abril registrou alta de 0,72%, um pouco acima da nossa projeção (0,69%) e da mediana das expectativas de mercado (0,67%). O resultado do mês foi pressionado pela alta de alimentação no domicílio e transportes, com destaque para a gasolina. O comportamento das medidas de núcleo da inflação, no entanto, segue em trajetória confortável. O núcleo de serviços subjacentes, por exemplo, registrou alta de 0,21% no mês e acumula alta de 3,6% em 12 meses. Mantemos nossa avaliação de que a inflação segue em dinâmica bastante benigna, ainda que pressionada no curto prazo por itens voláteis. Existe baixo risco de pressões inflacionárias pelo lado da demanda. Adicionalmente, a inércia inflacionária segue baixa, as expectativas de inflação estão ancoradas e a capacidade ociosa da economia segue elevada.

• Com o resultado de hoje, o IPCA-15 acumula alta de 4,71% em doze meses. Nós revisamos nossa projeção para o IPCA fechado de abril de 0,59% para 0,61%. Com isso a taxa de 12 meses deve acelerar para 4,98%. Nossas projeções para maio e junho estão em, respectivamente, 0,27% e 0,42%.
 

Julia P. Araujo
 

Para o relatório completo com gráficos e tabelas, favor acessar o pdf em anexo.



< Voltar