Itaú BBA - Copom: interrompendo o ciclo de cortes

Macro Brasil

< Voltar

Copom: interrompendo o ciclo de cortes

Fevereiro 6, 2020

O Copom cortou a taxa Selic para 4,25% a.a. e decidiu interromper o processo de flexibilização monetária.


Para o relatório completo com gráficos e tabelas, favor acessar o pdf em anexo.

 

• O Copom decidiu cortar a taxa Selic em 0,25 p.p., como amplamente esperado, levando-a para 4,25% a.a., e afirmou claramente que, dados os efeitos defasados do ciclo de flexibilização, vê como adequado interromper o processo. Assim, esperamos que as autoridades mantenham a taxa básica inalterada em 4,25% a.a. até o fim do ano. As próximas decisões serão, como sempre, dependentes dos dados. Deve-se notar que o comitê optou por utilizar “interromper” ao invés de “finalizar”, o que indica que seus membros podem, eventualmente, em circunstâncias apropriadas, revisitar a questão. O texto sugere que a flexibilização pode ser retomada somente se as projeções de inflação do Copom para 2021 começarem a se desviar da meta de 3,75%. Saberemos mais sobre a visão do Copom com a divulgação da ata da reunião na terça-feira, 11 de fevereiro, às 8:00.


Para o relatório completo com gráficos e tabelas, favor acessar o pdf em anexo.



< Voltar