Ir para menu Ir para conteúdo principal Ir para rodapé

Academia da Governança Agro

INTRODUÇÃO À 4ª ESTAÇÃO

Vamos agora para a quarta estação da nossa Trilha da Governança. 


A cada etapa vamos construindo o mecanismo e as práticas que nos ajudam a gerar clareza, eficiência e estabilidade no negócio agrícola: um conjunto chamado Governança. 


Governança depende de definições de papéis, responsabilidades e limites (políticas), controles, relatórios, fóruns de decisão, e muita disciplina. 


Estação a Estação, vamos indicando aqui o que significa tudo isso na prática! 


Na Primeira Estação construímos o básico: separação de contas entre negócio e família, orçamento, apuração mínima de resultado, fluxo de entradas e saídas previstas e realizadas, e alguns indicadores básicos. 


Na Segunda Estação construímos relatórios contábeis gerenciais e preparamos Indicadores básicos de equilíbrio a partir desses relatórios. 


Na Terceira Estação construímos uma camada bem mais complexa, envolvendo, entre outras coisas, o desenvolvimento de projeções financeiras, sua capacidade de investimentos, indicadores de desempenho, a implantação de contabilidade e de manejo integrado de riscos. 


Os negócios que já estão preparados com esses elementos apresentados nas primeiras Estações podem evoluir para o conjunto de ferramentas, relatórios e práticas já bem mais abrangentes que vamos apresentar aqui na Quarta Estação


A Quarta Estação será dedicada à estrutura e procedimentos para melhorar o nível de organização e à disciplina na empresa. Envolve estabelecer responsabilidades, papéis e limites, e estimular – através de auditoria e de incentivos – o cumprimento do que foi estabelecido. 

Vamos para 4ª e última estação!