Atitudes para manter a saúde financeira e mental

4/11/2020 - 4 min de leitura


Atitudes para manter a saúde financeira e mental banner. Atitudes para manter a saúde financeira e mental banner.

Alguns caminhos têm um efeito combinado entre nosso bem-estar e nosso bolso. Trazemos abaixo 6 passos para você encontrar este caminho e alcançar uma relação saudável entre você e seu dinheiro

Olhar para a situação com a verdade, ao olhar para nossa realidade de frente sem negar ou deixar para depois por ser um assunto difícil, gera consciência e reduz a angústia. Saber quanto preciso aumentar meu faturamento e quanto ajustar no o orçamento, abre caminho para ação.

Aja com transparência, ao compartilhar da nossa vida financeira com as pessoas que nos importam e dividem a vida conosco, temos ao menos dois efeitos. Não estamos mais sozinhos, envolvemos alguém que muitas vezes é nosso sócio afetivo. Ganhamos apoio, mesmo que o outro tenha ideias diferentes da nossa, vale a sensação de alívio de não estar mais guardando algo apenas para você. E em dois ou mais, podemos sempre mais. O momento atual, pede mais o coletivo, pede que nós compartilhemos desafios, pense e apoie os outros e conte com a ajuda deles também.

Saia da zona de desconforto., as vezes estamos perdidos, sem visão de futuro, sem esperança ou desorganizados. Já tentamos sozinhos, mas não conseguimos. Nestes casos, recorrer a um terapeuta, coaching, planejador financeiro ou outro profissional pode ajudar. Uma pessoa fora da situação e que pode ter repertório e experiências para te auxiliar na busca de novos olhares para sua carreira, setor de atuação, situação financeira ou qualquer outra dor que esteja no momento. Só não vale manter-se na atual zona de desconforto.

Crie, Descubra e explore oportunidades de usar seus talentos e competências a serviço de quem precisa em busca de uma nova fonte de renda. É momento de descobrir quais são e as colocar a serviço de quem precisa. Para uns é cozinhar, habilidades manuais, ensinar, cuidar, consertar. Isso nos empodera, aumenta nossa autoestima além de potencialmente expandir nossa renda.

Repense, o seu padrão de vida. Experimentar algo diferente, mudar alguma forma de consumir e estar pode te fazer conhecer outras possibilidades de melhorar seu bem-estar, gastando menos. Algumas pessoas terão sua atuação em home office daqui em diante, será que precisam continuar vivendo num grande centro urbano? As vezes podemos ganhar qualidade de vida e reduzir custos, mantendo a produtividade. Outros perderam o emprego ou tiveram sua saúde mental bastante abalada neste momento e precisaram readequar seu padrão e estilo de vida. Muito duro, mas necessário. Repensar nosso modo de viver, consumir, morar, locomover e trabalhar, tem sido uma das tônicas para a maior parte de nós.

Revise suas escolhas. Podemos aprender com escolhas passadas e evitar o que já sabemos que não agrada/não é bom para nós. Toda mudança traz um frescor do novo, nova energia e entusiasmo. Já conhecemos todas elas, agora que tal agir? Uma alimentação mais natural, além de mais saudável é mais barata, por exemplo. Ou ainda, caminhar mais e tomar sol, ler mais ou ouvir livros, fazer cursos diferentes ou conhecer novos lugares. Será que podemos ter mais equilíbrio, qualidade de relações e ainda gastar menos e fazer dinheiro com algo que nunca imaginamos?

Se estas reflexões fizeram sentido, acompanhe os episódios do podcast SOMAR.. Dê o play e conte o que achou

Por Fabiano Calil

Podcast Somar

Confira o podcast